Nacional

Semana da Mobilidade tem programação especial em São Paulo

Publicado

em


Estações, terminais e ciclovias da Grande São Paulo recebem uma série de atividades como parte da Semana da Mobilidade e do Dia Mundial Sem Carro. A programação, que ocorre durante toda a semana, é organizada por empresas ligadas à Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM) e quer estimular as pessoas a experimentarem outras formas de se locomover e incentivar cuidados no trânsito.

A própria secretaria promove uma jornada de conhecimento de boas práticas de gestão, promovidas pela Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) e Metrô. Dos projetos inscritos, foram selecionados três que tiveram impacto na melhoria do serviço à população. Eles serão apresentados em painéis temáticos virtuais pela plataforma Zoom.

A Estação Luz da CPTM, no centro da capital paulista, recebe a exposição Educando para o Trânsito do Amanhã. Em parceria com o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), a mostra educativa tem as crianças como foco e busca conscientizar sobre regras, técnicas e métodos para prevenção de acidentes. A exposição é transmitida por meio de televisores e fica disponível até sábado (25).

Nesta quarta-feira (22), a CPTM promove uma pedalada na Ciclovia Novo Rio Pinheiros em parceria com a Farah Service, empresa que administra a pista. O grupo sairá às 9h30 no acesso à ciclovia pela passarela da Estação Vila Olímpia, da Linha 9-Esmeralda.

No Dia Mundial Sem Carro, dia 22, a EMTU fará um evento com atividades educativas no Mirante do Parque Estadual Cândido Portinari. A proposta é incentivar um trânsito mais respeitoso e seguro. No mesmo dia será inaugurada a exposição de fotografias EMTU – Olhar Metropolitano. A mostra reúne fotos de 18 passageiros da rede de transporte intermunicipal que participaram de um concurso com 264 inscritos. 

A EMTU promoverá ainda ações educativas para passageiros nos terminais metropolitanos, com apresentações de esquetes teatrais. A Companhia Sopa de Comédia se apresentará nos dias 27, 28 e 29 no Terminal Metropolitano Diadema. Além disso, uma van itinerante do Serviço Social do Transporte (Sest) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat) fará trabalhos de conscientização e orientação em terminais de Guarulhos, Taboão e Campinas.

Na Estação Clínicas do Metrô, uma exposição vai mostrar ilustrações de adultos e crianças de várias partes do Brasil. Os desenhos fizeram parte de um concurso organizado pelo portal Mobilize Brasil. Os participantes deveriam responder à pergunta “Como fica a mobilidade depois da pandemia?”. A exposição fica em cartaz até 17 de outubro. No dia 22, serão exibidos vídeos nos trens e nas estações lembrando que o metrô é um meio de locomoção que tem uma taxa de poluição 20 vezes menor que um carro.

Nas linhas 4-Amarela e 5-Lilás, uma campanha, em parceria com o Instituto Alana e a organização Parents for Future, vai abordar os riscos da poluição para as crianças. As portas do trens foram adesivadas e vídeos serão veiculados nos monitores dos trens e estações. 

Durante toda a semana, na Ciclovia do Novo Rio Pinheiros, em parceria com as concessionárias que administram as linhas Amarela e Lilás, a Farah Service promoverá aulas de ginástica, zumba, recreação para crianças e degustação de café, entre outras atividades.

Edição: Fernando Fraga

Fonte: EBC Geral

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nacional

Caminhoneiro Zé Trovão se apresenta à PF, após dois meses foragido

Publicados

em


O caminhoneiro Marcos Antonio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, se apresentou hoje (26) à tarde na Delegacia da Polícia Federal, em Joinville, Santa Catarina, cidade onde mora, após permanecer quase dois meses foragido. A informação foi confirmada pela Polícia Federal, em Brasília.
 
“A Polícia Federal cumpriu nesta terça-feira (26), em Joinville/SC, mandado de prisão preventiva expedido pelo Supremo Tribunal Federal nos autos do Inquérito 4879, que investiga atos antidemocráticos”, disse a corporação, em nota.
 
O mandado de prisão foi expedido em 1º de setembro deste ano, pelo ministro do STF Alexandre de Moraes. Segundo a PF, o líder caminhoneiro se apresentou no início da tarde na Delegacia de Polícia Federal em Joinville e permanecerá à disposição da Justiça.
 
Zé Trovão foi levado para o presídio estadual da cidade de Joinville.
 
Antes de ser decretada a ordem de prisão, Zé Trovão fugiu para o México e tinha sido localizado pela Polícia Federal escondido naquele país.
 

Pedido de prisão

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a prisão do caminhoneiro no inquérito que investiga ameaças à democracia e incitação à violência em atos que estavam sendo organizados para o feriado de 7 de Setembro.

Segundo o ministro, as investigações feitas pela PF mostram a “presença de fortes indícios e significativas provas apontando a existência de uma verdadeira organização criminosa, de forte atuação digital e com núcleos de produção, publicação, financiamento e político absolutamente semelhante àqueles identificados com a nítida finalidade de atentar contra a democracia e o Estado de Direito”.

O caso começou a ser apurado em abril do ano passado após manifestantes levantarem faixas pedindo a intervenção militar, o fechamento do STF e do Congresso durante atos realizados em Brasília e outras cidades do país.

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: EBC Geral

Comentários do Facebook
Continue lendo

GOIÁS

MINAS GERAIS

DISTRITO FEDERAL

POLÍTICA NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA