Geral

Com 10% de umidade do ar, DF entra em alerta vermelho

Publicado

em


O Distrito Federal está em estado vermelho com relação à baixa umidade do ar. Isso significa que a região entrou no estado de emergência, depois de apresentar níveis críticos, como o índice de 10º registrado no Gama, neste domingo (19). O alerta é do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

A situação crítica favorece também a ocorrência de incêndios. A queimada de lixo ou qualquer atividade com fogo merece atenção | Fotos Joel Rodrigues/ Agência Brasília

O alerta somente é emitido quando a umidade do ar fica abaixo de 12%. Nessa situação, existe grande risco de ocorrências de incêndios florestais. Também é preciso redobrar os cuidados com a saúde porque aumentam os riscos de doenças respiratórias e das pessoas apresentarem dores de cabeça, sangramento do nariz e secura nos olhos, entre outros problemas.

Apesar de parecer pior do que nos anos anteriores, o chefe da Defesa Civil do DF em exercício, tenente coronel do Corpo de Bombeiros Rossano Bohnert, garante que a baixa umidade e o calor são semelhantes e comuns neste período de final da seca.

Valem as dicas de sempre: hidratação constante, evitando a prática de esportes e a exposição ao sol nos períodos mais críticos do dia – além de uma alimentação mais balanceada

Enquanto isso, valem as dicas de sempre: hidratação constante, evitando a prática de esportes e a exposição ao sol nos períodos mais críticos do dia – além de atenção a uma alimentação mais balanceada, sempre que possível. “Sabemos que o consumo de alimentos leves, como saladas, frutas e legumes, ajuda na digestão e dá mais disposição para suportar o calor e ar mais rarefeito”, explica Bohnert.

O Inmet prevê chuvas para a próxima semana, o que ainda não está confirmado.

Primavera

Nesta quarta-feira (22), começa oficialmente a primavera. As chuvas esperadas na estação trazem o clima mais ameno, que caracteriza o período. “Por enquanto, o clima deve continuar do mesmo jeito até quarta-feira (21). Vai predominar o calorzão e a secura. Só teremos possibilidade de chuvas lá para quinta-feira (23)”, explica a metereologista Naiane Araújo, do Inmet.

Com a temperatura máxima passando da casa dos 30º e a baixa umidade do ar, na capital federal, é importante que a população redobre os cuidados. A cartilha que o brasiliense não pode esquecer indica que é preciso beber bastante líquidos, evitar a exposição ao sol nas horas mais quentes do dia, usar hidratante na pele e procurar umidificar o ambiente.

A situação crítica favorece também a ocorrência de incêndios. A queimada de lixo ou qualquer atividade com fogo merece atenção. Os fumantes devem ter o cuidado de não jogar no chão as bitucas de cigarro. Esse hábito torna-se muito perigoso, principalmente nas margens de vias e rodovias. Qualquer pessoa que observar um foco de incêndio deve comunicar ao Corpo de Bombeiros, pelo número 193.

Mensagens de alerta

A Defesa Civil, da Secretaria de Segurança Pública do DF, faz o monitoramento dos alertas emitidos pelo Inmet. O órgão, então, envia mensagens advertindo sobre o tempo e a prevenção de riscos para os moradores cadastrados.

Para se cadastrar no serviços de alerta da Defesa Civil, o interessado deve enviar uma mensagem de texto para o número 40199, com o Código de Endereçamento Postal (CEP) da região.

Fonte: Governo DF

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

GDF recebe mais R$ 697 milhões de lucro da CEB

Publicados

em


O Governo do Distrito Federal (GDF) recebeu na manhã desta terça-feira (26) R$ 697.340.066,62 da Companhia Energética de Brasília (CEB). O repasse dos recursos, provenientes de juros sobre o capital próprio e dividendos da empresa, foi feito simbolicamente pelo presidente da companhia Edson Garcia ao governador Ibaneis Rocha, no Palácio do Buriti.

O lucro líquido ajustado foi alcançado, principalmente, pela venda da CEB Distribuição, uma das subsidiárias da holding

Os dividendos representam uma parcela do lucro líquido de uma empresa que é destinada aos acionistas como forma de remuneração. O GDF detém 80% das ações da CEB, enquanto os outros 20% são dos sócios minoritários da companhia – que lucraram R$ 171.878.490,07.

O montante repassado é o maior valor pago de dividendos que uma empresa pública fez ao seu controlador na história do Governo do Distrito Federal. O lucro líquido ajustado foi alcançado, principalmente, pela venda da CEB Distribuição, uma das subsidiárias da holding. O leilão foi realizado em dezembro do ano passado pelo valor de R$ 2,215 bilhões e a transferência de controle acionário ocorreu em 2 de março de 2021.

“Isso será extremamente útil para que o governador Ibaneis dê prosseguimento ao seu relevante programa de investimentos para a sociedade brasiliense, com obras de infraestrutura viária, programas sociais ou melhorias de todos os aspectos, como na saúde ou em educação”, disse o presidente da CEB Holding, Edson Garcia.

O valor total de R$ 869.218.556,69 é relativo a 75% do resultado do primeiro semestre de 2021. Em 14 de maio deste ano, a CEB Holding fez o pagamento dos dividendos relativos ao resultado de 2020, no qual o GDF recebeu R$ 444.323.684,82, e os minoritários, R$ 109,5 milhões.

Fonte: Governo DF

Comentários do Facebook
Continue lendo

GOIÁS

MINAS GERAIS

DISTRITO FEDERAL

POLÍTICA NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA