Geral

Vila Rabelo já conta com conexão gratuita à internet

Publicado

em


“As pessoas não vivem mais desconectadas, e é isso que estamos fazendo: levando conectividade, promovendo a inclusão digital e social” Gilvan Máximo, secretário de Ciência e Tecnologia

“Agora vou ter internet para estudar e até para jogar. E é bem rápida”. Aprovado pelo estudante João Carlos, de 10 anos, o wi-fi disponibilizado pelo Governo do Distrito Federal (GDF) por meio do programa Wi-Fi Social DF levou dezenas de moradores da Vila Rabelo I, em Sobradinho II, para comemorarem a chegada de mais um ponto de internet gratuita oferecida ao longo de três anos de projeto.

Pai de João Carlos, o líder comunitário José Carlos Gonçalves Gama, 48 anos, também comemorava: “Vai ajudar bastante a comunidade em geral, mas principalmente o estudante. Aqui não temos nem lan house; a mais próxima fica a 2 quilômetros”.

O líder comunitário José Carlos Gonçalves Gama e seu filho, João Carlos: “Vai ajudar bastante a comunidade em geral, mas principalmente o estudante”| Foto: Vinicius de Melo/Agência Brasília

Na Vila Rabelo I, a partir de agora, já é possível conectar-se ao wi-fi de longe. São 500 metros de extensão para garantir internet gratuita e de qualidade. “Dá até para fazer ligação de vídeo”, enfatizou o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Gilvan Máximo. “Hoje este programa é o queridinho dos brasilienses. As pessoas não vivem mais desconectadas, e é isso que estamos fazendo: levando conectividade, promovendo a inclusão digital e social”.

O projeto Wi-Fi Social DF foi lançado em 2019 com essa finalidade. Desde então, 69 pontos já foram entregues em diversos locais do Distrito Federal – inclusive nas áreas rurais –, contabilizando mais de 100 milhões de acessos. “Mais uma vez, o governador Ibaneis Rocha se mostra atento a todas as necessidades da população, cuidando da saúde, gerando empregos, realizando cerca de 1,4 mil obras em todo o DF, e tudo isso sem esquecer do social”, destacou o governador em exercício, Paco Britto.

Para a estudante Maria Clara Santos Ferreira, de 10 anos, o wi-fi gratuito vai ajudar bastante a desenvolver os trabalhados pedidos pelos professores. “Antes era muito difícil fazer as pesquisas”, contou a jovem, que vai cursar o quinto ano do ensino fundamental. “Uso o celular da minha mãe, porque não tenho um, mas nem sempre ela tem internet”.

De acordo com o presidente do projeto Mãos Dadas com o Social, Josenildo Araújo, a chegada do wi-fi gratuito à cidade atende uma demanda dos moradores que já havia sido levada ao governo. “Hoje estamos ganhando este presente, e agora, a Vila Rabelo I tem voz”, comemorou.

Fonte: Governo DF

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Geral

Senado, Marconi Lidera seguido de perto por Delegado Waldir

Publicados

em

A TV Gazeta e o Jornal Gazeta do Estado em parceria com o instituto voga, foram os primeiros veículos de comunicação de Goiás a realizar e divulgar uma pesquisa eleitoral para as eleições de 2022, a primeira pesquisa foi realizada ainda em 2021, no final de dezembro, de lá pra cá já são 4 pesquisas.

A pesquisa foi realizada do dia 25 ao dia 28 de abril de 2022, em Goiás. Foram entrevistados 807 eleitores goianos com 16 anos ou mais, em todo o estado.

O grau de confiança da pesquisa é de 95% e a margem de erro é de 3,5% para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número BR-04000/2022  e no Tribunal Regional Eleitoral com o número GO-05476/2022, pesquisa Voga/Gazeta foi encomendada pela ACIAG – Associação Comercial e Industrial de Aparecida de Goiânia.

Para Senador de Goiás, na modalidade espontânea, quando o entrevistador não apresenta opções, 83,40% não souberam responder, 0,12% votariam em Wolmir Amado, 0,12% votariam em Telemaco Brandão, 0,12% citaram Wilder Morais, 0,12% votariam em Wanderlan, 0,12% votariam em Ronaldo Caiado, 0,25% votariam em Gustavo Mendanha, 0,50% votariam em Kajuru, 0,50% votariam em Luiz do Carmo, 0,50% votariam em João Campos, 0,74% citaram Alexandre Baldy, 1,12% votariam em Zacarias Kalil, 1,86% votariam em Delegado Waldir, 2,23% votariam em Marconi Perillo, 3,72% votariam nulo e 4,58% não votaria em nenhum candidato.

Na modalidade estimulada, quando o entrevistador aponta possíveis candidatos a Senador por Goiás, se as eleições fossem hoje, 28,13% não votaria em nenhum candidato, 19,95% não souberam responder, 11,15%% citaram Marconi Perillo, 8,92% votariam nulo, 8,43% votariam em Delegado Waldir, 6,69% votariam em Zacarias Kalil, 4,71% votariam em Alexandre Baldy, 4,58% votariam em branco, 4,58% votariam em João Campos, 1,61% votariam em Luiz do Carmo e 1,49% votariam em Wilder Morais.

Nas próximas edições você irá conferir a intenção de votos dos eleitores para Deputado Federal e Deputado Estadual.

Joice Gabriela

Comentários do Facebook
Continue lendo

GOIÁS

MINAS GERAIS

DISTRITO FEDERAL

POLÍTICA NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA