Geral

Terracap lança 2º edital de venda direta de Arniqueira 

Publicado

em


Outros 519 moradores do Setor Habitacional Arniqueira poderão regularizar os imóveis que residem. A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) publicou, nesta quarta-feira, 23 de junho, novo chamamento de Venda Direta no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). Os lotes também estão localizados na URB 005, antigos conjuntos 5 e 6 da Região Administrativa. O download do edital pode ser feito no portal da Agência, no site: www.terracap.df.gov.br.

As famílias que optarem pelo pagamento à vista terão 25% de desconto no valor de venda do imóvel. Atualmente, instituições financeiras oferecem linhas de crédito específicas para financiar imóveis oriundos da regularização fundiária. Assim, quem optar por tomar o recurso em uma dessas instituições, pagará a prazo para a banco, mas integralmente e com abatimento à Terracap.

Mas os moradores também podem parcelar o financiamento dos terrenos pela Terracap, neste caso, o prazo máximo de pagamento junto à agência é de até 20 anos.

Até o dia 22 de julho, as famílias devem entregar a proposta de compra do imóvel e a documentação exigida em edital, para dar prosseguimento ao processo de aquisição do imóvel | Fotos: Divulgação / Terracap

Do valor de mercado dos imóveis, a Terracap deduz, de acordo com a Lei 13.465/2017, a infraestrutura implantada pelos moradores e a valorização decorrente dessa infraestrutura. Neste edital, o valor final de venda dos terrenos unifamiliares varia entre R$ 32,5 mil (139 m²) e R$ 667 mil (2,4 mil m²).

“É importante, contudo, que o morador fique atento: caso não optar por fazer a adesão a este edital, estará abrindo mão do benefício de 25% de desconto à vista, conforme prevê a resolução da Terracap”, esclarece o diretor de Comercialização, Júlio César Reis.

Como funciona?

Para que a Terracap identifique os ocupantes dos lotes, os moradores que ainda não fizeram o cadastramento prévio, devem correr. A etapa obrigatória e pode ser feita pelo site da empresa (www.terracap.gov.br) ou pelo aplicativo para dispositivos móveis, disponível nas plataformas Android e iOS, denominado “Terracap”.

Em seguida, até o dia 22 de julho, as famílias devem entregar a proposta de compra do imóvel e a documentação exigida em edital, para dar prosseguimento ao processo de aquisição do imóvel. Para aderir ao Programa de Venda Direta, o morador precisa declarar que o imóvel tenha sido edificado e ocupado até 22 de dezembro de 2016.

O primeiro edital de chamamento de Venda Direta do Setor Habitacional Arniqueira contemplou 300 imóveis da URB 005. Do total, 268 moradores entregaram a proposta de compra junto à Terracap, o que representa 89,3% de adesão ao edital

Há três maneiras de realizar este procedimento. Presencialmente, no edifício-sede da Terracap, localizado no Bloco “F”, Setor de Áreas Municipais (SAM) – atrás do anexo do Palácio do Buriti, das 7h às 19h; na Administração de Arniqueira, no endereço SHA conjunto 04 AE 01, de 8h às 12 e de 13h às 17h; ou de forma remota, pelo site da Terracap.

Para quem não quiser comparecer pessoalmente para efetuar a entrega, é preciso acessar o site da Terracap ou o aplicativo da Agência e procurar pelo menu “Serviços”. Ao encontrá-lo, deve seguir os passos: clique em “Venda Direta”. Ao abrir a página “Terracap – Serviços online”, acesse a plataforma com os dados de login.

Na página inicial, clique em “Programa Venda Direta”. Selecionado o “Programa Venda Direta”, opte por “Passo 1 – Criar Cadastro”.  Após o cadastro criado, um novo passo será inserido:  “Passo 2 – Criar proposta”. Neste momento, será feita a confirmação das informações inseridas e o upload dos documentos. Encaminhe-os. O processo de envio estará concluído. A Terracap irá investir R$ 160 milhões em infraestrutura na região.

Sucesso do 1º edital

O primeiro edital de chamamento de Venda Direta do Setor Habitacional Arniqueira contemplou 300 imóveis da URB 005. Do total, 268 moradores entregaram a proposta de compra junto à Terracap, o que representa 89,3% de adesão ao edital. Quanto à forma de pagamento, 100 quitaram à vista, fazendo jus ao desconto de 25% sobre o valor final.

Outros 88 recorreram a financiamentos em instituições financeiras: pagarão a prazo para o banco, mas também obtiveram 25% de desconto junto à Terracap; e 80 financiaram junto à Terracap, com prazo de até 240 meses.

*Com informações da Terracap

Fonte: Governo DF

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Mutirão do fim de semana aplicou 13,2 mil segundas doses

Publicados

em


Neste fim de semana, a Secretaria de Saúde promoveu um mutirão de vacinação em segunda dose contra a covid-19, com 15 pontos disponibilizados no sábado (31) e 11 no domingo (1). A ação alcançou a expressiva marca de 13.288 doses aplicadas, somando as segundas doses e as doses únicas.

Desta forma, o Distrito Federal já tem 26% da população acima de 18 anos imunizada contra a covid-19 e passa a ser a oitava unidade da federação que mais vacina no Brasil.

O mutirão foi realizado em 15 pontos no sábado (31) e em 11 no domingo (1) | Fotos: Geovana Albuquerque/Agência Saúde-DF

O relatório de vacinação aponta que 538.876 pessoas já receberam a segunda dose de vacina (CoronaVac ou AstraZeneca) e 52.344 já receberam a dose única, com o imunizante Janssen.

Para suprir as bases de vacinação e a alta demanda ao longo dos dois dias, mais de 70 mil doses foram distribuídas pela Rede de Frio Central.

Pessoas que estavam com data marcada no cartão para receberem a segunda dose até o dia 6 de agosto também puderam procurar os pontos de vacinação neste fim de semana. A vacina foi antecipada apenas para quem recebeu os imunizantes da AstraZeneca e CoronaVac.

13.288doses foram aplicadas nos dois dias, somando segundas doses e doses únicas

A previsão é de que, para o mês de agosto, sejam aplicadas 250 mil segundas doses. Estão incluídos no quantitativo aqueles que tomaram a primeira dose da AstraZeneca e da Pfizer, em maio, e os que receberam a primeira dose da CoronaVac, em julho.

D2 da Pfizer

A partir desta segunda-feira (2), começa a imunização das pessoas que receberam a primeira dose de vacina da Pfizer, de acordo com a data que está prevista no cartão de vacinação do usuário, dado o intervalo de até 90 dias entre doses. A Secretaria de Saúde ainda não está antecipando a segunda dose da Pfizer.

Também estarão sendo vacinadas nos mesmos locais gestantes e puérperas, tanto para primeira dose como para segunda dose, da mesma forma, sem agendamento. A vacina da Pfizer em segunda dose e para as gestantes e puérperas estará disponível nos locais a seguir:

Lista de locais de vacinação segunda dose Pfizer, gestantes e puérperas

*Com informações da Secretaria de Saúde do DF

Fonte: Governo DF

Comentários do Facebook
Continue lendo

GOIÁS

MINAS GERAIS

DISTRITO FEDERAL

POLÍTICA NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA