Cidades

Prefeitura atua em ações contra alagamentos e inundações

Publicado

em


Os primeiros dias de janeiro têm sido marcados por grandes tragédias em decorrência das chuvas no Brasil. Em Goiânia, apesar do alto volume de água, a Prefeitura trabalha incansavelmente com a responsabilidade de proporcionar mais segurança e conforto para toda a população. Uma das ações é a construção de galerias de águas pluviais.

Nessas quase duas primeiras semanas do ano, a Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana (Seinfra) direciona suas forças na construção de galerias no Jardim América, Parque Oeste Industrial, Setor Novo Planalto e na Vila Jardim Pompéia. Esse trabalho é formado por um conjunto de tubulações que captam, transportam e drenam a água da chuva das áreas urbanas até rios, córregos ou canais. 

“Apenas na Rua do Paraíso, na Vila Jardim Pompéia, como exemplo, estamos instalando uma galeria de água pluvial de 240 metros. Tanto esse ponto como a Avenida da Sede, no Novo Planalto, onde também estamos, são áreas de alagamento que, com essas intervenções, não devemos ter mais problemas por ali”, pontua o titular da Seinfra, o engenheiro Everton Schmaltz.

A secretaria ainda está fazendo a limpeza e contenção de erosão no Ribeirão Anicus, protegendo as áreas mais vulneráveis ao longo do seu percurso, além de recuperação de bocas de lobo em diversos bairros de Goiânia.

Apenas esse ano, as equipes da Seinfra já limparam as bocas de lobo, córregos, bueiros e pontes dos setores Sul, Leste Universitário, Vila Morais, Jardim Novo Mundo, Jaó, Jardim Goiás, Pedro Ludovico, Parque das Laranjeiras, Jardim Europa, Jardim Presidente, Jardim América, Vila Americano do Brasil, Parque Amazônia, Parque Lozandes, Vila Pedroso, Vila Cristina, Jardim Balneário Meia Ponte, Bairro Boa Vista, Residencial Tropical Ville, Condomínio das Esmeraldas, Setor Campinas, Residencial Flórida, Residencial Faiçalville, Jardim Atlântico, Village Veneza, Jardim Planalto, Parque Anhanguera, Jardim Nova Esperança, Setor Central, Bueno, Oeste, Marista, Residencial Vale dos Sonhos, Conjunto Cachoeira Dourada, Vila União, Jardim das Esmeraldas, Vila Redenção, Alto da Glória, São José, Aeroviário, Goiá, Parque Oeste Industrial, Jardim Guanabara, Santa Genoveva, Leste Vila Nova, Setor dos Funcionários, Jardim do Cerrado, Vila Finsocial, Sudoeste, Coimbra, Residencial Santa Fé, Residencial São Marcos, Residencial Celina Park, Negrão de Lima, Vila Canaã, Parque Industrial João Braz, Recanto das Minas Gerais, Residencial Ville de France, Bairro São Francisco, Vila Santana, Setor Centro Oeste e Setor Crimeia Leste.

“Podemos concluir que o impacto das chuvas neste ano está sendo menor também porque em 2021 foram realizadas ações importantes, como a limpeza de cerca de 27 mil bocas de lobo, 49 km de ramais e galerias pluviais e 1.068 bueiros”, explica o titular da Seinfra.

Também foram removidas 7,2 mil toneladas de entulhos das bocas de lobo da capital e colocados diques de proteção contra a cheia nos setores Gentil Meireles, Serra Azul, Vila Roriz, Crimeia Leste, Vila São José, Urias Magalhães, Jardim Mariliza, Setor Oeste, enrocamento de pedra na Marginal Botafogo e galerias na Vila Maria Rosa, Jardim Botânico, Bairro Feliz, Jardim Vitória, Jardim Novo Mundo, Goiânia Viva, Jardim Petrópolis, Pedro Ludovico, Sol Nascente, Faiçalville e Residencial São Marcos, entre outros.

“Mais que ações por parte do poder público, a população também pode ajudar praticando a educação e mostrando compromisso com a cidade ao não jogar lixo nas ruas, bocas de lobo, rios e córregos”, ressalta o secretário.

Em caso de demandas para a Seinfra, a população pode entrar em contato com a pasta através do aplicativo Prefeitura 24h ou pelos telefones 3524-8363/3524-8373 e WhatsApp 9-8493-7229.

Juan Meloni, da editoria de Infraestrutura

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Goiás tem 24.766 mortes e 969.340 casos da doença

Publicados

em


A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) informa que há 969.340 casos de doença pelo coronavírus 2019 (Covid-19) no território goiano. Destes, há o registro de 931.384 pessoas recuperadas e 24.766 óbitos confirmados. No Estado, há 636.126 casos suspeitos em investigação. Já foram descartados 296.296 casos.

Há 24.766 óbitos confirmados de Covid-19 em Goiás até o momento, o que significa uma taxa de letalidade de 2,56%. Há 389 óbitos suspeitos que estão em investigação. As últimas atualizações de casos e óbitos no Painel Covid-19 foram retomadas às 14h30 horas de sexta-feira (24/12), após uma interrupção de 15 dias dos sistemas de dados oficiais do Ministério da Saúde, que estiveram fora do ar neste período.

Doses aplicadas

Levantamento realizado pela SES-GO apurou que, referente à primeira dose, foram aplicadas 5.292.713 doses das vacinas contra a Covid-19 em todo o Estado. Em relação à segunda dose e a dose única, foram vacinadas 4.533.793 pessoas.

Esses dados são preliminares e coletados junto aos municípios goianos, visto que o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), do Ministério da Saúdem permanece fora do ar.

Conforme pactuado na Comissão Intergestores Bipartite (CIB), as Secretarias Municipais de Saúde devem registrar, de forma obrigatória, as informações sobre as vacinas administradas no módulo Covid-19 do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI Covid-19). Em relação às vacinas recebidas em Goiás, os dados estão disponíveis em https://www.saude.go.gov.br/coronavirus/vacinacao-covid-19.

Painel Covid-19

O boletim com as notificações da SES-GO foi informatizado e realiza o processamento dos dados a partir dos sistemas do Ministério da Saúde (e-SUS VE e Sivep Gripe). Eventuais diferenças são justificadas por ajustes nas fichas de notificação pelos municípios, como por exemplo, a atualização do local de residência da pessoa.

Para conferir os detalhes dos casos e óbitos confirmados, suspeitos e descartados, acesse o painel Covid-19 do Governo de Goiás por meio do link http://covid19.saude.go.gov.br/.

Sobre os dados

Desde as primeiras confirmações de doença pela Covid-19, a SES-GO divulga boletins diários com atualizações sobre os casos confirmados e óbitos. Os números são dinâmicos e passíveis de mudanças após investigação mais detalhada de cada situação. Os boletins são elaborados a partir dos dados inseridos nos sistemas e-SUS VE e SIVEP Gripe, do Ministério da Saúde, pelas diversas instituições de saúde cadastradas no Estado, conforme endereço de residência informado pelos usuários.

Os dados podem ser alterados para mais ou para menos conforme investigação das Vigilâncias Epidemiológicas Municipais e atualização das fichas de notificações pelos municípios nos sistemas oficiais. Diante de eventuais inconsistências nos números, estes serão atualizados a partir das correções feitas pelas cidades nos sistemas de notificação.

O responsável pela notificação deve registrá-la e mantê-la devidamente atualizada nos sistemas oficiais de notificação, desta forma, se cada um fizer corretamente sua parte, a informação é democratizada e disponibilizada a todos em tempo oportuno.

Os dados deste boletim foram divulgados às 15h de domingo16 de janeiro 2022.

Fonte: Governo GO

Comentários do Facebook
Continue lendo

GOIÁS

MINAS GERAIS

DISTRITO FEDERAL

POLÍTICA NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA