Cidades

Hemogo é o 1º banco de sangue público acreditado do País

Publicado

em


O governador Ronaldo Caiado recebe nesta quinta-feira (25), às 15 horas, a certificação ONA 2 do Hemocentro Estadual Coordenador Prof. Nion Albernaz, em Goiânia. A data, que celebra o Dia Nacional do Doador de Sangue, marca uma nova fase para a unidade de saúde do Governo de Goiás.

O banco de sangue estadual recebeu, nos dias 28 e 29 de outubro, a visita presencial e virtual dos avaliadores do Instituto Brasileiro para Excelência em Saúde (Ibes), instituição acreditadora credenciada à Organização Nacional de Acreditação (ONA), quando foi confirmada a certificação ONA nível 2 à unidade. Com esse resultado, o Hemocentro Estadual passa a ser o primeiro banco de sangue público, 100% SUS, acreditado do País.

A acreditação de nível 2 (Acreditado Pleno) comprova que a unidade de saúde atende critérios como: cumprimento ou superação, em 80% ou mais, dos padrões de qualidade e segurança; e cumprimento, em 70% ou mais, dos padrões ONA de gestão integrada, com processos ocorrendo de maneira fluida e plena comunicação entre as atividades.

O certificado é válido por dois anos, quando é realizada nova visita de manutenção do título.

Processo

Com o processo iniciado em 2019, a partir de uma visita de diagnóstico do Ibes, o Hemocentro Coordenador começou a se preparar para buscar a acreditação por meio de contratações e treinamento dos colaboradores, realização de cursos (mapeamento de processos, certificação de bancos de sangue) e adequações de processos.

“Durante todo esse tempo, tivemos o envolvimento de todos os colaboradores nesse projeto. Eles são os principais responsáveis nesse processo de melhoria da qualidade e segurança da assistência para a conquista da acreditação nacional”, disse Ana Cristina Novais, diretora técnica da Rede Estadual de Hemocentros – Rede Hemo.

José Cláudio Romero, superintendente do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e Humano (Idtech), organização que gere o Hemocentro desde novembro de 2018, destaca que os investimentos do governo estadual foram fundamentais para obtenção do título.

“Estamos recebendo esta certificação graças ao Governo de Goiás, que, por meio da Secretaria de Saúde do Estado, nos proporcionou uma excelente estrutura, a aquisição de equipamentos com tecnologia de ponta, de forma que não faltam investimentos de infraestrutura e de capital humano, e é tudo isso que nos permitiu a chegar a um momento como esse”, afirma.

Referência

Inaugurado em 18 de agosto de 1988, o Hemocentro Estadual Coordenador Prof. Nion Albernaz é referência em serviços de hematologia e hemoterapia em Goiás. A unidade realiza, mensalmente, cerca de 1,2 mil atendimentos médicos, ambulatoriais e multiprofissionais, além de uma demanda de aproximadamente 1,8 mil bolsas de sangue. São mais de 2,2 mil doadores voluntários todos os meses.

O prédio do Hemocentro passou por uma ampla reforma, entregue em 1º de junho de 2020. A unidade recebeu investimento de R$ 9,3 milhões pelo Governo de Goiás, além de recursos assegurados pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO) para investimento em mobiliários e equipamentos.

O novo prédio foi pensado para atender à demanda atual dos serviços de coleta e transfusão, além de atendimento ambulatorial médico e multidisciplinar no tratamento de mais de dez doenças ligadas ao sangue, fornecimento de medicamento para pacientes e melhor ambiência para os trabalhadores e usuários.

Arte pela Vida

Na solenidade de entrega da certificação ONA 2, o Hemocentro Coordenador apresenta uma nova exposição dentro do projeto Arte pela Vida, que faz parte das ações de humanização da unidade. O artista da vez é Pedro Galvão, que apresenta a exposição “Poética Urbana”, que traz como tema fatos cotidianos. O objetivo do projeto é promover a inclusão cultural de pacientes, acompanhantes, doadores e trabalhadores. As peças estão expostas no hall do segundo andar do Hemocentro Coordenador.

As obras de Pedro Galvão são um apanhando de trabalhos desenvolvidos de 2015 a 2021, com algumas telas inéditas, que retratam a pandemia da Covid-19. “Essas obras refletem o trabalho dos artistas de rua e mostram muito a região onde passei minha infância e adolescência”, ressalta.

O artista afirma ainda que ficou muito contente com o convite para expor suas obras na unidade. “Quando recebi o convite, me alegrei muito, pelo fato de ser um espaço novo e também alternativo, no qual um público diferente estará no local. Sou o segundo artista a fazer uma exposição na unidade de saúde. A primeira foi da Helena Vasconcelos, com uma exposição maravilhosa”, comenta Pedro.

Serviço:

Assunto: Governador Ronaldo Caiado recebe Certificação da Organização Nacional de Acreditação (ONA) 2 ao Hemogo

Quando: Quinta-feira (25/11) às 15 horas

Onde: Hemocentro Coordenador Estadual de Goiás Dr. Nion Albernaz (Hemogo) – Avenida Anhanguera, 5195, Setor Coimbra, Goiânia (GO)

Cer

Fonte: Governo GO

Comentários do Facebook
Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Goiás tem 24.766 mortes e 969.340 casos da doença

Publicados

em


A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) informa que há 969.340 casos de doença pelo coronavírus 2019 (Covid-19) no território goiano. Destes, há o registro de 931.384 pessoas recuperadas e 24.766 óbitos confirmados. No Estado, há 636.126 casos suspeitos em investigação. Já foram descartados 296.296 casos.

Há 24.766 óbitos confirmados de Covid-19 em Goiás até o momento, o que significa uma taxa de letalidade de 2,56%. Há 389 óbitos suspeitos que estão em investigação. As últimas atualizações de casos e óbitos no Painel Covid-19 foram retomadas às 14h30 horas de sexta-feira (24/12), após uma interrupção de 15 dias dos sistemas de dados oficiais do Ministério da Saúde, que estiveram fora do ar neste período.

Doses aplicadas

Levantamento realizado pela SES-GO apurou que, referente à primeira dose, foram aplicadas 5.292.713 doses das vacinas contra a Covid-19 em todo o Estado. Em relação à segunda dose e a dose única, foram vacinadas 4.533.793 pessoas.

Esses dados são preliminares e coletados junto aos municípios goianos, visto que o Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), do Ministério da Saúdem permanece fora do ar.

Conforme pactuado na Comissão Intergestores Bipartite (CIB), as Secretarias Municipais de Saúde devem registrar, de forma obrigatória, as informações sobre as vacinas administradas no módulo Covid-19 do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI Covid-19). Em relação às vacinas recebidas em Goiás, os dados estão disponíveis em https://www.saude.go.gov.br/coronavirus/vacinacao-covid-19.

Painel Covid-19

O boletim com as notificações da SES-GO foi informatizado e realiza o processamento dos dados a partir dos sistemas do Ministério da Saúde (e-SUS VE e Sivep Gripe). Eventuais diferenças são justificadas por ajustes nas fichas de notificação pelos municípios, como por exemplo, a atualização do local de residência da pessoa.

Para conferir os detalhes dos casos e óbitos confirmados, suspeitos e descartados, acesse o painel Covid-19 do Governo de Goiás por meio do link http://covid19.saude.go.gov.br/.

Sobre os dados

Desde as primeiras confirmações de doença pela Covid-19, a SES-GO divulga boletins diários com atualizações sobre os casos confirmados e óbitos. Os números são dinâmicos e passíveis de mudanças após investigação mais detalhada de cada situação. Os boletins são elaborados a partir dos dados inseridos nos sistemas e-SUS VE e SIVEP Gripe, do Ministério da Saúde, pelas diversas instituições de saúde cadastradas no Estado, conforme endereço de residência informado pelos usuários.

Os dados podem ser alterados para mais ou para menos conforme investigação das Vigilâncias Epidemiológicas Municipais e atualização das fichas de notificações pelos municípios nos sistemas oficiais. Diante de eventuais inconsistências nos números, estes serão atualizados a partir das correções feitas pelas cidades nos sistemas de notificação.

O responsável pela notificação deve registrá-la e mantê-la devidamente atualizada nos sistemas oficiais de notificação, desta forma, se cada um fizer corretamente sua parte, a informação é democratizada e disponibilizada a todos em tempo oportuno.

Os dados deste boletim foram divulgados às 15h de domingo16 de janeiro 2022.

Fonte: Governo GO

Comentários do Facebook
Continue lendo

GOIÁS

MINAS GERAIS

DISTRITO FEDERAL

POLÍTICA NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA